domingo, 25 de outubro de 2009

MÃES DE LEITE, ÉPOCA DA ESCRAVATURA VOLTOU

Semana retrasada conversei com D. IONE, ela me ligou pedindo que alguém fosse buscar alguns bbs ou mãezinhas no Campo de SAntana pq não havia mais lugar p/ as prenhas parirem. O Dr. George, sub secretário da Sepda prometeu à ela que TODA 2ªf iria lá no parque p/ pegar os bbs p/ levar p/ adoção, na feira que fazem semanalmente, aliás são 2, uma às 3ªf e outra às 5ªf. Liguei p/ o próprio p/ confirmar a ida dele p/ pegar os bbs. Porém, ele, o Dr. George me disse ao tel que não poderia pegar nenhum gatinho essa semana pq NÃO EXISTIA MAIS ESPAÇO FÍSICO na Fazendo Modelo e que alguns já estavam dentro dos espaços das aves silvestres. Estranhei, pois sempre escutei falar que lá era o maior abrigo da América Latina, que só no gatil acomodavam mais de 1000, isso msm, mil gatos. Então resolvi ajudar a IONE pegando os bbs e trazendo p/ minha casa. Mas antes firmei um trato com o Dr.George que na próxima feira que a Sepda fosse promover, levaria os bbs. Estive na 3ª f, dia 20, no Campo de Santana p/ pegar os bbs. Já sabia que ia passar por mais uma depressão ao ver aqueles inocentes maltratados. Bem, cheguei a tarde lá e fui p/ o bambuzal onde ficam as casinhas que as mãezinhas tem seus filhotinhos. Qual não foi minha surpresa ao ver a D. IONE, uma senhorinha, sentada no chão de terra, protegida por uma folha de jornal, cuidando com todo o carinho daqueles que estavam doentes dos olhinhos, com gripe, melequinha no nariz. E ali estava aquele anjo limpando o nariz daqueles gatinhos, colocando colírio nos olhinhos de alguns e remanejando 8 (OITO) bbs recém nascidos que tinham acabado de serem abandonadoscom a mãe, todos muito pretinhos, lindos. A mãe assustada, fugiu da casinha que haviam colocado ela, deixando os bbs sozinhos. Então, estava ela lá, remanejando os bbs, colocando-os em mãezinhas que tinham acabado de amamentar os seus. Esses que não iam mamar mais, os trouxe p/ a minha casa. Por um momento lembrei da época da escravidão, as mães de leite.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário